11 mai 2016

O aquecimento de whey protein e seus riscos



o-que-é-whey-protein

 

O verão chega e todos que consumiam fast foods o ano inteiro agora passam a consumir produtos de alto valor nutricional devido à busca do corpo perfeito. Com todo esse acesso livre de informações, os atletas de final de ano e os “marombeiros” buscam em cada refeição adicionar uma boa qualidade de macronutrientes como carboidratos, proteínas e lipídeos. Até ai tudo bem, porém, muitos pecam em gastar um alto valor em suplementos e na verdade estão alterando o que seria benéfico. Produtos fit´s seus dias estão contados!

 


Os invencionistas leigos que se passam por pessoas que entendem de alimentação e treinos por ter um corpo um pouco melhor que de muitos, acabam por ter uma “fama” no meio dos praticantes de exercícios físicos, e impõem dicas de musculação, música e alimentação… Calma ai, até a parte da música ainda aceito, mas não deixa um leigo disseminar sobre alimentação para muitos de forma errônea como se isso não trouxesse nenhuma malefício. Não me importo se quer divulgar seu patrocinador, agora utilizar whey protein em refeições que levam calor na preparação? Blogueiros e marombeiros, aqui não!

 

Porque o whey protein como objeto de pesquisa? Simples! O whey proteín é um dos suplementos mais difundidos e utilizados no meio esportivo, e um estudo de Pereira e Colaboradores em 2009 reuniu 103 jovens do sexo masculino com idade acima de 18 anos de academias de Curitiba-PR, e foi notado que os mesmos utilizavam para o ganho de massa (44,31%), e 103 dos indivíduos pesquisados quando questionados se o suplemento proteico servia como uma estratégia para o ganho de massa a resposta foi sim (100%), seu consumo era de 5 vezes na semana (34,95%) entre os entrevistados. Outro dado coletado no estudo foi que dos 103 indivíduos praticantes de academias de Curitiba-PR (29,69%) utilizavam o whey protein por recomendação de um nutricionista, e em segundo (28,12%) ingeriram o suplemento proteico por iniciativa própria. Com todos esses dados é notório que o suplemento whey protein tem seu uso bem difundido entre as academias, e outro dado interessante é que após a indicação dos nutricionistas, os que ingeriam por iniciativa própria (28,12%) mostra o crescimento de informações passadas por blogueiros e marombeiros cada dia são maiores, será mesmo que é iniciativa própria? E isso preocupa e muito, pois receitas estão sendo feitas com o whey protein como ingrediente principal de muitas delas. E ai será que vai dar coisa boa disso?

 

O resultado foi o que já esperava, e Potes e Colaboradores em seu estudo publicado na Journal of Agricultural and Food Chemist no ano de 2013 mostraram que o aquecimento das proteínas do soro do leite (produto final que constitui a whey) quando aquecida a uma temperatura de até 40 graus levou a desnaturação e oxidação das proteínas, assim como a formação de produtos de glicação avançada (AGEs) que desencadeia algumas doenças crônicas não transmissíveis como diabetes, e outros problemas relacionados ao coração como aterosclerose. E aí, vai seguir os “feras” ou a ciência? A escolha é sua. Você já viu no rotulo da sua whey protein leve ao forno? Faz o básico, o resultado vem com indicação de um profissional qualificado, procure um nutricionista!

 

Autor: Luiz Eduardo Marinho Falcão

 


Equipe Musculação Total



  








Tags: , ,

Envie um comentário